Coluna – Todos fãs são tremendos IDIOTAS!

Escrevo essa coluna hoje sob efeito de ansiedade…

Uma vez que to esperando a uma semana a noticia se ingressei ou não em uma faculdade de artes, e a demora é devido a diretoria da faculdade ser mais enrolada que cabelo crespo em ralo de banheiro.

Mas isso não influência em nada meu ponto de vista sobre o assunto, uma vez que o tema eu já debati diversas vezes e cheguei a escrever dele em meu perfil de redes sociais…

Fique claro que não sou um selvagem proliferando ódio e pensamentos fechados para defender o título da coluna, se você acompanha o blog a algum tempo já sabe que sou muito melhor que isso…

Mas caso você venere algum tipo de artista, não recomendo ler essa coluna ou vai chorar de ódio…Ou melhor RECOMENDO que leia o artigo e veja se adquire alguma dignidade e pare de agir feito um pateta…

Por algum motivo que só Deus deve saber, meus perfil online atrai todo tipo de fanboy…A maioria adolescentes portadora da mentalidade causadora dessa coluna aqui, os obcecados por determinado artista…

Grande maioria por bandas, no caso por um determinado membro em particular (que 90% das vezes é o vocalista).

Diariamente eu sou exposto a atualizações dessa gente, publicando fotos do artista (se ele for bonito, quase todas em poses sensuais photochapadas) frases de pagação de pau e um dos mais intragáveis…O fã usar o nome dele no lugar do seu.

Não resta dúvidas que grandes mediocridades artística só existem por culpa dos fãs que sustentam isso com sua ignorância listada abaixo!

Vamos ver quem são essa gente e em minha opinião o porque disso tudo, vamos separar um ADMIRADOR de um FÃ babador de ovo.

Adolescentes


Quantos perfils de meninas idiotas não usam “seu nome” + Manson, cujo não só reflete ser fã de um dos rockstar mais sensacionalista e apelativos que existe, mas também para refletir seu desejo íntimo de ser a  “senhora esposa do rasgador de bíblia”?.

E por ai vai, com variações em Cobain, Harris, Foley, Radcliffe e até mesmo Turunen… Isso quando não usam o nome da própria banda como sobrenome.

Entendo que a adolescência é uma fase com um imenso descontrole hormonal, cujo os sujeitos com pouca maturidade já se acham adultos, donos das verdade inquestionáveis sobre suas vidas, pois “não o compreendem” , e ouvir algum artista que fala justamente disso, de ser “o incompreendido” os atrai ferozmente como abelhas ao açúcar…

Mas ai que entra o bom senso para frear tal veneração a determinado artista, eu já fui adolescente (dã) nem por isso me comportava feito um tremendo idiota porque gostava de determinada figura musical, cinematográfica,esportiva etc.

O problema dessa fase, é que como eu disse, o adolescente se acha o dono da verdade e toda opinião contrária a dele não é só pelo fato de não ser convincente o bastante na argumentação e sim porque as pessoas não entendem ele. O jovem defende cegamente o objeto de sua veneração, quase como um sentido a essa fase de sua vida, e vai lamber o saco do artista por tudo o que ele fizer seja bom ou ruim, falarei mais disso logo a seguir.

Pior que temos pessoal com mais de 30 anos agindo assim, e se você passou da idade e ainda tem uma mentalidade da maioria de 16-18 anos, você é um tremendo idiota ao quadrado!

Histeria

Uma das coisas mais irritantes dos fãs, a histeria… Esse maldito estado emocional que alavanca gritos ensurdecedores e fazem eles agirem feitos verdadeiras bestas descontroladas que avançam sem pensar quando vê o alvo de sua histeria a vista…

Nada de senso de ridículo não senhor, vale de tudo, chorar e soluçar feito um ator pornô que perdeu sua ferramenta de trabalho, correr descontroladamente pra cima do artista mesmo que tenha a cara esmagada pela muralha de seguranças.

Tal comportamento abobalhado me intriga, como alguém cega o bom senso a ponto de fazer tais coisas cujo pessoas com um pouco de respeito próprio não se submeteria a fazer?. O pior de tudo é que tal comportamento não tem explicação…

A pessoa acha que é uma “Homenagem” exibir isso ao artista? Sinceramente ao olhar tal comportamento, todos vão apenas pensar “Oba, mais um otário pra comprar/trepar, sem me questionar”.

Um dia vi uma fã do Restart tentando defender isso na TV, dizendo que era uma forma de extravasar a ansiedade… Mas pera ae, em vez de gritar no show você precisa fazer isso justamente na fila com outros abestalhados? Cujo a barulheira não tem significado algum a não ser dizer “olha ae gente da rua, estamos ansiosos pelo show e queremos mostrar isso pra todo mundo, mesmo que vocês estejam cagando e andando pra tal coisa”.

Ok, você pode achar que tem o direito de impor e mostrar sua ansiedade e veneração e achar que temos que respeitar e ficar na nossa, mas lembre-se que o resto das pessoas tem um direito acima do seu, o de não querer saber.
Digo isso porque quando sai do cinema uma vez, tinha uma fila gigantesca a meia noite, para a pré-estreia do ultimo filme do Harry Potter.

E os fãs gritavam A CADA 5  SEGUNDOS, EU JURO PELA SAGRADA MERDA,eu e o resto das pessoas igualmente incomodadas tivemos que aguentar uma fila de fãs idiotas gritando sem motivo algum, quer aliviar a “tensão”? Encha a cara, escute música, converse…Não fique produzindo poluição sonora pra isso…

Afinal, ter ansiedade é normal, aliviar de maneira irritante afetando aos demais a sua volta, é uma idiotice mesquinha!

E para provar que isso é um tremendo queima filme até mesmo pra visão do artista, eis  aqui o que um dos atores do Crepúsculo achou sobre as fãs do Brasil.

Isso é a verdade nua e crua, o artista gosta de ser venerado, quer que você consuma tudo em relação a ele, mas quer te ver bem longe, pois ele também sabe que você é um babaca… (A reação da fã desmiolada em relação ao que o ator falou nos comentário do vídeo, é a maior prova de como fãs são imbecis defensores na maioria das vezes, de gostos superfulos).

Veneração

Ai esta uma das características de fãs mais ignorantes que existe…

O sujeito não se contenta em só admirar o trabalho do artista, como ele tem que amar tudo o que a pessoa é ou faz… De maneira incondicional.

Mesmo sem ter algum laço afetivo com o artista (a não ser o imaginário de suas cabeças afetada) a pessoa o ama acima de todas as coisas, como eu disse, usa até o nome dele no lugar do próprio, solta frases de amor platônico, sonha em se casar com ele e ter o mesmo amor correspondido…

Claro, porque o que você faz alem de babar ovo pro cara, para ele te devolver o mesmo amor admiração? Nada, simplesmente você vai ser mais um peão pra ser usado como bem entender, sem que ele tenha preocupação moral com isso… Afinal você lambe o cu do artista porque quis, não porque ele o pediu…

Sim fui bem agressivo na citação acima, mas é que esse assunto me da vontade de dar risada ou enfurecer, como alguém chega ao ponto de amar mais o outro do que a si mesma?

E o pior, amar alguém que nem sabe que ela (o fã) existe, e que esta cagando e andando pelo que fizer por ela, mesmo que faça uma tatuagem na testa com o seu nome  (muitos o fazem) o alvo da veneração e “amor incondicional” vai te ver como mais um dos milhares de babacas que pode ser manipulado como seu ego bem entender…

E se você não se importa de ser um lacaio do ego de determinada pessoa, tu tem sérios problemas de auto estima e orgulho próprio…

Tal veneração chega o ponto da pessoa defender tudo o que o artista faz, seja mediano ou ruim, se for mediano, é porque você não soube compreender a obra, só ele (fã) que conseguiu.

Só os fãs alucinados conseguem engolir e justificar uma faixada teatral para se aparecer mais que outras bandas e achar que tudo isso tem um propósito que não seja chamar a atenção com algo inusitado, pois em questão musical, a obra da banda/artista não é grande coisa…

Se o artista fizer algo ruim, pro fã nunca vai ser culpa do mesmo, e vai listar inúmeras coisas (na maioria das vezes sem sentido) pra defendê-lo do que admitir que seu deus pisou na bola e não é perfeito.

Ja cheguei a conhecer fãs de Slipknot que chegaram ao cumulo de dizer que essa banda é tão foda que influenciou o próprio MOTORHEAD, ou pior…Os sujeitos nem sabiam o que era Motorhead, e se diziam “fãs inveterados de rock superior a de outros diferentes estilos musicais”.

Nem vou entrar no assunto dos fãs modinha, cujo a maioria é ex-emos que desenvolveram um pouco de senso de ridículo e agora resolveram partir pra outra e cultuar ignorantemente bandas como Avenged Sevenfold e Slipknot e acharem que são as obras primas clássica do rock existencial de todos os tempos!

Relacionar-se com os fanáticos!

Vai parecer um exagero, mas é só analisar bem…

Agora quantas meninas você conheceu que agiam sem amor próprio pra algum artista, cujo a impressão que dava é que ela  trocaria o namorado sem pensar duas vezes, pela primeira oportunidade que tiverem nem que seja só pra uma transa casual?

Não sei como o ego do sujeito não é afetado ao saber que a menina que ele esta “praticando o coito” esta tendo orgasmos pensando em outro sujeito… Sério, não importa que você esta se aproveitando, você praticamente esta gozando com o pinto do outro, por mais chulo que seja esse termo, é a pura realidade… E se pensar bem, não é um prazer realmente proveitoso…Por mais que queira bancar o machão e defender o fato de “consegui trepar é o que importa”, desculpa meu filho, mas os únicos que transaram foi a menina e o astro que estava no pensamento dela, você só foi apenas um objeto pra ela…

E se você gosta de ser o “vibrador” da pessoa e não alimenta sentimentos algum que não seja sua própria satisfação física uma vez que ela também esta se aproveitando de você, então ambos pra mim são como um saco de estrume que precisam seriamente aprender sobre trocas de valores e sentimentos humanos pra não dizer ter amor próprio…Pois mesmo sexo casual baseado nisso, faz tanto sentido quanto cachecol na praia!

E antes que interprete isso como ciúmes ou inveja, entenda que é uma reflexão de quanto tosco é pra qualquer um com orgulho próprio, se relacionar com esse tipo de gente, porque  em minha opinião relacionamentos deveriam ser com pessoas maduras que sentem atração uma pela outra de verdade, ou todos sabemos a tremenda merda que uma hora isso vai dar se não for assim…

Vamos ser sinceros, se todo mundo for um fã dessa forma, o numero de pessoas com as quais você vai poder se relacionar maduramente vai cair drasticamente… Se as pessoas soubessem separar tais coisas, eu não estaria argumentando aqui sobre isso.

Não separar o artista de seu trabalho!

Sei que quando se trata principalmente de música, indiretamente ao admirar alguma obra, isso vai refletir pro criador dela que teoricamente deixou uma parte de si em tal trabalho…

Afinal se ele não é um músico mecânico, fabricado pela mídia como a moda do momento, uma parte de sua personalidade fica em sua criação.

Mas o que as pessoas tem que aprender a diferenciar é o artista e seu trabalho, eu por exemplo  sou um grande admirador de Motorhead, mas nem por isso deixo seu trabalho musical ofuscar meu julgamento pela pessoa responsavel por isso, no caso Lemmy Kilmister!

Veja bem, Lemmy é um cafajeste assumido (ironicamente é algo a se admirar por assumir isso), ele solta frases machistas e defende o uso de drogas a ponto de dizer que pregadores da boa saúde são tudo sujeitos frescos sem razão, mesmo que sua voz esteja indo pro saco com tanto excesso de cigarros e bebidas que ele ingere…

Tudo bem, se tem gente que acha que cinismo é algo atraente, mas as fãs putinhas de Motorhead (digo do Lemmy) o defendem com unhas e dente, a ponto de negar o fato dele ser um machista sem sentimentos algum pelas mulheres que não seja o tanto de prazer que ela pode lhe proporcionar. Essas fãs tem o cúmulo de criar postagens defendendo o quanto boa pinta um dos caras mais feios do ramo da música é, a ponto de venerá-lo como um cavalheiro que respeita as mulheres, que não é superficial e devia ser uma imagem a ser seguida por todos homens do mundo…

Digo eu gosto do jeito autentico do Lemmy, mas sou o primeiro admitir que ele é uma das pessoas mais contraditórias que existe, a ponto de dizer “que aparência é superficial e as mulheres que usam maquiagem sabem disso” e na outra entrevista dizer “que sente pena de homens que se contentam com pouca coisa como mulheres magras e ele só se atrai com as que tem corpão”.

PQP! Difícil de engolir um atitude como essa e o pior, os fãs que praticamente fingem e negam que tal coisa e declarações exista, e ficam imaginando os inúmeros orgasmo que teriam se o mesmo ao menos o olha-se alguma vez…

Mesmo a sua mentalidade sendo uma coisa antagônica em relação ao meu modo de pensar, eu não deixo de gostar de Motorhead, eu sei muito bem separar as coisas, uma vez que curto uma música dele que fala sobre jogatina, mas nem por isso sou um apostador e tenho que ser pra gostar de tal obra ou ter que respeitar o que o artista vomita em entrevistas…

Pior é quando o sujeito admira mais a pessoa do que seu trabalho, ou seja, em contrapartida o artista pode ser a coisa mais medíocre do mundo, o fã engole isso já que sua admiração é pelo estiloso/bonito/porra loca, e não pelo que ele devia ser admirado, sua obra…Já que a defende com toda força por tabela…

Esta vendo a diferença entre ser um admirador e um fã? Você não precisa dizer amém pra tudo o que o artista faz ou é, apenas curta sua obra e extraia o que vale a pena dela segundo seu julgamento, não queira engolir tudo como se fosse uma obrigação contratual por ter gostado do sujeito…

O mais triste, é que mesmo falando tudo isso e mostrando o como as pessoas estão presas em uma bolha que fode seu cérebro e bom senso, elas não entendem, pois como eu disse, os fãs são idiotas, são cegos pra qualquer opinião de fora que critique sua atitude, cujo suas respostas ignorantes e mais comum é “esta com inveja”, “faça melhor”, “cada um tem o direito de ser o que quiser e você é um ninguém pra me criticar”.

Fã é derivação aportuguesada do diminutivo “fan” no inglês ou seja, fanatismo… Logo se você é esperto o suficiente, vai saber que “fanatismo” não é algo saudável, é um problema a ser tratado pois emburrece as pessoas e as torna ignorantes, logo você fã  de Mason que o ama e adora quando ele vomita alguma opinião clichê em relação ao fanatismo religioso, está sento um tremendo cínico!

Você pode até achar que tem o direito de ser esse otário que é o fã, mas lembre-se que sua liberdade termina onde começa a de outro, ou seja, seu ataque histérico e demonstração cega de afeto por tal artista, vai sempre acabar chegando em outra pessoa, logo vai ter que tolerar a reação dessa pessoa em relação a sua veneração, já que as pessoas não conseguem ser fã em silêncio e perceber que “não é os incomodados” que se dane, e sim o foco do problema…Você!

Alguns conhecimentos como etimologia da palavra e o que despertou minha atenção em também escrever essa coluna (com algo que eu já tinha vontade de falar) veiodo colunista Regis Tadeu, confiram os post dele que são essências para quem gosta de ver opiniões sinceras de alguém sem rabo preso com ninguém!

Anúncios

45 comentários em “Coluna – Todos fãs são tremendos IDIOTAS!

  1. Do jeito que você fala, o melhor escreve…parace até que ser fã de alguem é um crime ,é o maior pecado de todos. ¬¬’

    • Não é pra interpretar como crime ou pecado, e sim como um desvio de maturidade…
      Sinceramente se você acha que ser fanático por algo é uma coisa saudável que não te afeta em nada…É melhor começar a repensar seus conceitos…

      Seja um admirador, não um pagador de pau inveterado que ama mais o outro que nem a conhece do que a si mesma…

      • Eu não sei o que é pior =/ a realidade -e sua gravidade- da critica ou o alvo criticado não olhar para si e começar a pensar um pouco..
        Falta de maturidade² 🙂 double win
        em suma, os comentários confirmaram ainda mais a triste realidade….
        Pão e circo-facebook; o principal motivo de estudar História é : não cometer os mesmos erros do passado. Temos ótimos alunos.

  2. Adimirador de algo = fã ;

    Cara a passagem de criança/adolecente para adulto precisa de refereênrias para o carater de uma pessoa, quando passar o tempo vamos olhar pra tras e dar risada pelo o que passavamos para ver um show ou assistir um documentário, e ver como mesmo sendo idiota era bom para a eu próprio.

    • Não meu filho não…

      Admirador é uma coisa, fã é outra assim como expliquei no texto caso não tenha lido…fã deriva do inglês fan = fanatismo…

      Logo admirador e fanático são duas coisas bem diferentes ^ ^

      E ter ídolos para admirar que ajude na sua formação de caráter, não quer dizer que você precisa venerá-lo e ser um fã babaca, mas um admirador com bom senso em absorver o que ele tem de bom e separar os defeitos, e não abraçar tudo o que ele cospe…

      ninguém é perfeito, e se fãs não idolatrassem seus ídolos como deuses, eu não estaria escrevendo isso, não tente negar a realidade por pior e irritante que seja alguém dizer isso, ela infelizmente é assim…

  3. O problema, meu caro Raposa, é que os fãs não “se enxergam”. O louco nunca admite a própria loucura; se o fizesse, não seria louco entende?
    Isso não é pura burrice: é pleno retardo de amadurecimento. Se fossem maduros para reconhecer seu comportamento como inadequado, simplesmente não teriam tal comportamento a princípio.
    Enfim, bom texto(apesar de seu português vir estranhamente regredindo gradualmente), mas os que realmente precisariam lê-lo, não entenderão seu sentido…

  4. Você falou do filme do Harry Potter por exemplo… Eu amo muito Harry Potter cara, eu fui na estréia e é verdade tinha gente se descabelando lá e eu tava na minha! Lógico tava com o sorriso de orelha a orelha por estra lá, mas estava com uma raiva imensa das pessoas que estavam gritando lá… Sei lá, eu acho que eu sou fã e sou fanática também, mas não sou exagerada a ponto de ficar gritando, afinal… Mas eu gostei muito desse texto aqui 🙂

  5. Quando eu cliquei aqui, foi pela curiosidade, pois pelo pedacinho que li no Facebook, parecia interessante, achei até que você fosse dizer algo, mas isso me pareceu mais um desabafo.
    Ninguém gosta de fanáticos sejam eles quais forem, musicais, religiosos, ou qualquer outra merda, porém achei tudo o que você falou, apesar de concordar em quase tudo (99%)rs, chover no molhado.
    Para quem é idiota, fanático, o seu desabafo é irrelevante, eles não mudaram por isso.
    Uma vez idiota, sempre idiota!

    PS.: Gostei do post sobre aquele cachorrinho do crepúsculo, mostra a realidade, e como você disse ele não é o único, todos são assim, tão cagando e andando para os trouxas dos fãs, só querem vender seu trabalho, e ficar bem longe dos idiotas.

  6. caralho mano!
    foda!
    excelente texto cara!!!
    com certeza com esse texto ae, tu abriu a cabeça de muita gente por ae
    parabéns

  7. Bom, tenho 15 anos e minhas atitudes não correspondem ao modo que falou dos adolescentes, não to criticando, mas tbm não quero que generalize, pois tbm tem muitos adultos imaturos e retardados. E concordo com vc em muitos aspectos. Acho fanatismo ridiculo, e colocar nomes de artistas em perfis de redes sociais tosco. Acho que a pessoa pode até ser fã de uma coisa ou gostar muito, mas acho desnecessário se descabelar, tentar aparecer e blablabla, mas isso é a personalidade de cada um. Quando essa criança ou adolescente crescer vai lembrar disso como uma boa coisa, enfim, parabéns pelo texto (:

    • Ele não generalizou, só distribuiu carapuças, se alguma te serve, use, se nenhuma serve pra que ficar irritada?

  8. Concordo, tenho 15 anos e conheço bem o pessoal da minha idade! Tem que saber separar a admiração pelo talento de um artista da sua personalidade, e não agir com histeria nunca, por que fã histérico e poser, é extremamente irritante, principalmente para o artista!

    Todo fanatismo é burro!

  9. Bom, você também pelo que parece não sabe muito bem separar as coisas…
    Velho fã não é generalizado assim nunca, você leva tudo ao pé da letra? Estamos no Brasil, pegamos palavras e colocamos outro significado. É só um modo que adotamos de falarmos, até minha mãe fala que é fã dos artitas que ela gosta, mas tem uns que ela nunca nem vou foi no show…
    Eu tenho 22 anos e sim sou fã do trabalho de alguns artitas e bandas…
    Nunca deixei de viver por isso, já comprei posters, já colei no meu quarto, já fui em shows, mas nem por isso apoio as idéias, gosto de Rock e odeio droga, nunca usei nenhuma droga ilícita, nem cigarro, só bebo! E gosto de um monte de artistas que são extremos drogados…
    Acredito em Deus e gosto de bandas ou artitas que são ateus, só não gosto muito das satanistas…
    Enfim, acho que nesse mundo maluco de vez em quando fugirmos um pouco da realidade é ótimo, sem exagreo claro…
    Adolescentes são seres alienígenas, (ser como você diz) fanático por alguém é uma das coisas excabrosas que eles fazem, mas isso é fase vey. O problema só é maior se o ser humano continuar com essas maluquices quando ficar velho, aí sim virou um problema ridículo… u.u’
    hoje em dia eu acho graça das maluquices que fazia quando tinha 15 anos! Kkkkkk
    E por mais que eu ache uma bosta, as vezes bate uma saudade gostosa de apenas viver intensamente e rir quando eu me ferrava…
    Enfim acho que você exagerou e foi muito grosseiro em certas partes… Mas alguma coisas você tem razão… Bjos

    • Sabrina, você esta errada quanto a etimologia da palavra fã.

      Fã vem de “Fanático” que veio do Latim FANATICUS, “louco, entusiasta, inspirado por algum deus”, originalmente “relativo a um templo”, “FANUM”. Dai surge a denominação adaptada para o português “Fã” é um encurtamento dessa palavra..

      “Ídolo” vem do Grego EIDOLON, “aspecto, imagem mental, fantasma, aparição”, também “imagem material, estátua”, de EIDOS, “forma”.

      De fato, se você e sua respeitada mãe se consideram fãs de alguém ou alguma coisa, vocês se consideram fanáticas desses. Quanto a fase da adolescência, bom, eu tenho 27 anos e já fiz muita merda nessa fase(algumas até hoje), mas nunca apesar de ser um eterno apreciador do Rock, fui alienado ou fanático com algum artista ou algum trabalho de alguma banda. Isso tanto na minha época, quanto hoje é uma coisa deplorável de ver um adolescente acometendo. É deplorável assistir a gritos histéricos de um(a) adolescente ou veneração inquestionável diante do seu ídolo.
      Eu realmente me encontro de tal modo a imaginar minha irmã, que esta entrando na adolescência ou uma filha agindo como perfeitas idiotas diante de um ídolo(a)…
      Quando vejo reações de fãs brasileiras de Justin Bieber, Crepúsculos e afins, agindo feitos ridículas diante da aparição dos “artistas”(Que eu não considero!), eu confesso que me sinto envergonhado. Adolescentes não são seres alienígenas! É uma faze de amadurecimento do ser humano, uma transição da faze da infância para a faze adulta,em que todas as espécies animais passam. Compreendo a certo modo, devido a mudanças hormonais e tal, alguns comportamentos e histerias, mas dai justificar com isso eles serem seres alienados? Isso não dar para tolerar!

      Desde a minha adolescência gosto de viver minha vida intensamente, gosto das pessoas e das coisas intensamente, mas como disse o nosso amigo “O Raposa” acima, tenho orgulho próprio e tive e tenho, pelo menos, talvez meio conturbados, alguns princípios, e não me admito agindo como um babaca e alienado por algum artista ou banda que esta cagando para o fato da minha existência no planeta. Adolescência é faze de fazer merda! Mas é faze também de crescer, amadurecer e aprender valores relativos a coisas na vida… Gosto de banda de drogados, machistas, já gostei de bandas de satanistas e gosto de algumas até hoje(Led Zeppelin/Black Sabbath por exemplo.) consumo drogas lícitas(álcool…) e nem por isso me tornei na adolescência um drogado, nem um satanista muito menos um alcoólatra ou machista. Acho que como disse, é ridículo quando essa histeria fanática ultrapassa a adolescência, ai a porra fica séria!

      • Caramba, vc nem leu meu post né?
        Comentei que estamos no Brasil e se na Grécia significa isso, aqui não velho.
        Considero fanatismo os atos, coisa que eu nunca fiz, como disse no meu post, muito menos minha mãe. Vc gostar de algo e dizer da boca pra fora que é fã, não te torna um fanático nunca! Agora vc fazer milhões de merdas sim.
        Quem faz essas loucuras se consideram muito além de fã!
        É só um “xulo” modo de dizer!

      • Nunca me descabelei por ninguém, tão pouco fiz maluquices como achar que algum cantor bonitão ia corresponder os meus suspiros.
        Seres alienígenas foi só um modo bobo de falar, o quão os adolescentes são loucos e afetados pelos hormônios descontrolados… O que leva elas a fazer tanta merda, que nem é só relacionada a bandas e celebridades, tem milhões de coisas, alguma até piores!
        Se o Brasil fosse ao pé da letra como vcs acham muita coisa seria melhor, como as leis por exemplo!
        É isso. Fui

  10. Realmente, fanatismo não é uma coisa saudavel, é meio que tornar alguem um idolo, e tornar a idolatria á ele uma religião, vejo muito esse tipo de ação, proveniente de posers( nao apenas eles , mais em parte,)
    a necessidade de mostrar o quanto gosta de algo, é que cria tais fatos ..

    nesses pontos eu concordo com vocÊ , mas assim como disse no texto, nao é porque alguem diz algo, que vc tem que acatar e engolir como verdade absoluta,
    da mesma maneira que axei seu comentario em boa parte, foda, em outras eu axei infeliz, pois fazer certas coisas , nao demonstram idolatria a algo, e nao é porque a faz que se tornará um otário baba ovo …

  11. Ficou muito bom. Só acho que você precisa revisar as regras gramaticas do “cujo”. Fora isso, “tão consistente quanto gelatina” foi o melhor! xDD

  12. gostei muito do seu texto e achei legal quando você distingui quem gosta do musico
    ou da música; algumas pessoas me criticam pq eu tenho a foto do álbum “Master of Puppets” no meu perfil do facebook, vou dizer pq, primeiro eu acho o melhor álbum do metallica, segundo ñ gosto de colocar fotos minhas para todos, e nem por isso sou doido por qualquer coisa q o metallica faça, tanto é que load, reload e st.anger são obras q realmente não escuto pela péssima qualidade musical(na minha opinião) salvo raríssimas exceções, não compartilho da ideologia q o líder da banda
    “Lars Ulrich” sobre a questão Napster; mesmo com tanto defeitos ainda gosto da banda mas pelo seu trabalho!

  13. curti muito a materia
    concordo o que voce disse

    eu mesmo curto bastante o som do manson, mas nao to nem ai com o que o cara faz pra aparecer na midia, curto apenas as musicas.

    só espero que os fãs de alguem entendam como é idiota defender algo que nem sabe que eles existam

  14. Excelente texto. Eu já fui fã ao extremo de Charlie Brown Jr., só não cheguei a fazer tatuagem, mas de resto… já comprei presente caro pro chorão e tudo mais. Eu não sabia separar o músico da música. O Chorão não é exemplo de pessoa pra ninguém, fuma, bebe, cheira, defende bandido e ladrão, odeia a polícia etc.
    Hoje eu vejo com outros olhos, escuto a música, de vez em quando vou em shows, mas pára por ai. Já passei da fase de ficar indo em frente de hotel, gastando grana viajando pra outros lugares. Parei de venerar o vocalista, essas coisas.

    Hoje eu tenho 18 anos. Queria que alguém me falasse algumas coisas como essas do post quando eu tinha 14 anos. Teria economizado um bom dinheiro, tempo etc, e poderia ter investido mais em mim.
    Mas claro, ainda vejo amigo meu de 30 anos que é louco pela banda, vejo amigo meu que tatuou a foto do vocalista e por ai vai

    Agora tem outros fanatismos que não prestam também: torcedores fanáticos por time/jogador de futebol e fanboy de marcas (fãs de Apple, por exemplo)

  15. Pingback: Hora da revisão! | Covil do Raposa

  16. Muito bom! Sério! Assim a tempos não via um pensamento tão direto e coeso!

    Essa alienação escrota que determinados estilos/bandas causam é uma completa lavagem cerebral.

    Eu achei seu post meio que sem querer quando eu estava fulo da vida com essas porras desses eventos que NA MINHA OPNIAO é um mar de alienados que dariam o @#$@#$ para ir. Ou seja um bando de artistazinha FDP que está se fudendo, vem cobra um absurdo para ver a “apresentação” (tirando que a consumação deve ser extremamente cara) e vai embora em seus jatinhos felizes e contentes com o bolso cheio da grana enquantos nós brasileiros espertos pagamos esses ingressos em 12 vezes sem juros no cartao. Tirando isso entre outras coisas oque me deixa ferrado de raiva e você não comentou…. acho que não se encaixaria aqui nesse topico… tá. Mas assim pagar 400,00 reais, 500,00 reais para ir em um destes festivais pretigiar a cultura alheia é super aceitavel. Mas você sei lá tentar ir ao teatro escutar um bom grupo brasileira que toque a nossa cultura (musica tipo bossa nova, mpb (talvez você nao goste mas pelo tem um instrumental o cara estuda para estar lá)) e o cara cobra… 100,00 reais 120,00 é CARO. PQP então a cultura de outros paises é superior a nossa. Realmente existem muitas pessoas que tem que ser mais critico.

    Cara parabens curti! 😀

  17. Para mim é difícil aturar esses fanboys idiotas. GRRR, eta vontade de socar pelo menos um deles!! Eu sou fã de Mario, mas não sou fanboy, oras. o que mais me irrita uns fanboys babacas de PS3 e XBOX 360 me dizendo que é muito melhor eu comprar os mesmos consoles que eles têm em vez de comprar um Wii, tudo porque estes consoles possuem gráficos em alta definição. Eu não estou nem aí para essa de gráficos exuberantes, o que importa é a diversão. Outra coisa que me irrita é quando eles dizem que a lista de games do Wii é muito infantilizada, pode até ser, mas eu conheço pelo menos quatro games em estilo hardcore e são eles, Metroid Prime 3: Corruption, The Legend Of Zelda: Skyward Sword, Sonic Unleashed e Xenoblade Chronicles. Não sou fanboy da Nintendo, apenas um fã moderado, isso é tudo.

  18. Na boa.
    Esses artistas estão podres de ricos, já fui fã gastei grana de show super caro e tal.
    Legal curtir um artista e tal, mas gastar sei lá 200 pila ou até mais to fora.
    No fundo no fundo o artista e um Deus intocável, anda cheio de seguranças (claro essa parte eu entendo, o cara famoso, tem grana demais, existem pessoas sempre maldosas até mesmo entre os fãs, tentando uma aproximação para seqüestrar ou algo do tipo) por esse motivo estão sempre escoltados e ninguém toca.
    Eles passam um personagem que não são na vida real e essa mentira cria a ilusão de vida perfeita e pessoa perfeita.
    Se valorizem, vão viver, viajar, crescer profissionalmente, seja vc um vencedor, pq o artista ta rico e vc?

  19. Cara, eu até concordo em alguns pontos,. Mas pelo exemplos que tu citastes tu és um baita de um metal mirim que não conhece bandas fora do mainstream (ou que não são modinha). Se tu desce um nível abaixo das bandas que estão na moda, tu vai ver que as bandas tem seus próprios ídolos tb, e eles co0ntam que se emocionaram ao encontrar os caras das bandas que eram fãs.
    Outra coisa: faz parte do espetáculo……. tipo……. na entrada do show do iron Maiden, todo mundo fica gritando “maiden, Maiden”!!!! faz parte do show.
    Enfim, a histeria incomoda a todos, xse amontoar e se jogar pra cima do artista também. Mas as situações que tu citas, te deixam parecendo um metal-mirim de no máximo 20 anos e que se acha dono de todo o conhecimento da música, quando está estampado nas entrelinhas que tu só conhece o mainstream.

    • Huahauahau!
      “metal mirim”

      Mas não consigo levar sua opinião a sério porque primeiro estou criticando fanatismo e você ta levando a discussão pra outro lado (conhecimento de banda e etc).

      O foco aqui é fanatismo e fãs babacas que veneram artistas e tem a burrice de considerar um ser humano algo como “ídolo” que já é um tremendo tentado ao bom senso, mistificar uma figura humana que não tem nada de mais que não seja fazer uma música legal no maximo.

      Releia tudo com atenção, aprenda a interpretar texto, deixe a má vontade de lado e volte a comentar, mas desta vez sobre o foco da questão, abraço e obrigado por comentar.

  20. Só uma última consideração Raposa, graças aos “fãs idiotas” que algumas bandas são contratadas a tocar no Brasil, ou bandas brasileiras são levadas a outras cidades. Tem produtores que ganham a vida produzindo shows, tem outros que só produzem porque são fã, pense nisso antes de esculachar geral.

    • Não, se você é um admirador, vai pagar pra ir no show de qualquer forma, não se confunda.
      Fãs são sim idiotas fanáticos, tu esta mudando o foco do artigo pra caber em sua crítica de despeitada!

  21. Outra coisa que me deixa puto são esses caras que acham que precisam “estudar” toda a história e só assim eles poderão se considerar admiradores de alguma banda, ou artista. Na minha opinião, para ser admirador, basta ADMIRAR o trabalho do cara, não saber se ele prefere cueca verde a azul.

    Sobre esse lance de “engolir tudo o que o artista faz”, temos um bom exemplo no momento: a volta do Black Sabbath. Tudo bem que a música nova deles não é das piores, porém, essa volta aos palcos é um pega trouxa do caramba. Três dinossauros no palco, Ozzy fazendo macaquice e nêgo pagando uma fortuna para ver isso. Sinceramente, por mais que eu curta o trabalho do Sabbath, jamais pagaria uma grana para ir vê-los em outubro próximo.

    No mais, ÓTIMO POST!

  22. Fãs de videogame também são idiotas. Os chamados fanboys de videogame são tão chatos que dizem que o console deles é o melhor e atacam os que discordam. Uns dizem que o PS3 é o melhor, outros dizem que é o Xbox 360, para mim não existe essa definição de melhor console, ela só prova que o próprio fanboy é um imbecil descerebrado que não entende absolutamente nada de videogame. Seja na questão de games, música, ou de outra coisa, os fãs são tremendamente idiotas.

  23. Pura burrice msm fik bajulando artistas…são msm q a gente… so são bonito em photoshop, so tem dinheiro por causa do povo, se não fosse isso seriam que nem esses fãs perdidos na vida..

  24. Nossa você escreve de uma tal forma que a imagem que passa pra gente é que você é muito inteligente! Acho que você deveria usar a sua inteligencia pra fazer uma coisa melhor da vida!! Você não pode julgar os outros antes de saber o que se passa pela mente daquela pessoa!! As vezes um FÃ que você tanto odeia procura inspiração naquele artista! Garanto que você é fã de alguma coisa!! Não sei talvez viciado em jogos ou outras coisas, cada um tem seu gosto! Seu estilo!! E se você não aceita o gosto dos outros você tem que Procurar Ajuda!! Isso é um problema muito grave!! Não aceitar as pessoas da Sociedade!!! Fica a Dica!!
    SOU FÃ COM MUITO ORGULHO!! Tenho Sonhos!! No minimo você não tem nenhum sonho é um antissocial da PORRA nerd não deve ter uma Meta na Vida! SONHOS SÃO METAS QUE AGENTE PROCURA ALCANÇAR, se você não tiver sonhos! Procure um!! Pois quando você o Realiza é a melhor coisa da vida!! 😉

    • Quanto mimimi pra alguem que pede pra eu não “julgar” alguem que não faço idéia se existe mas faz exatamente o que condena…

      Agora entende porque não é arrogância eu não mudar minha forma de pensar? E o motivo disso é graças a você mesmo e pessoas como tu hehe!

      Abraço

  25. Cara, muito boa essa sua coluna. Suas reflexões podem se estender ao ser humano comum, não só aos fãs de bandas/artistas. Pois, na minha visão, todas as pessoas tem/fazem algo que as torna idiotas, independente do assunto. Sou fã/admirador de alguns artistas, mas isso nunca me fará gritar que nem um retardado se o ver na rua.
    Abraço!

  26. Ri muito, mas tu tem razão. Confesso que já fui assim, mas agora que li e também pelo fato de eu ter amadurecido com o passar do tempo, percebo o quanto fui idiota e se eu pudesse voltar atrás, jamais faria o que fiz.

    Belíssimo texto. Obrigada pelos seus sincericídios.

  27. Olha, eu sou fã e posso dizer que nem todos são assiç (na parte que vc diz de casar, ter filhos, ser comida pela pessoa e tals), esses que vc diz são chamados de POSER’S, os que não conseguem ver a pessoa de uma maneira diferente, só quer dar a bunda pro cara. Mas os fãs (de verdade), gostam dos seus ídolos de maneira diferente.. Como eu posso explicar?.. Vc a pessoa faz vc rir e esquecer dos problemas, por isso queremos tanto estar perto de tal pessoa que como vc mesmo disse, “nem sabe que nós existimos”. Ser é fã é mais que dizer que ama incondicionalmente aquela pessoa. É admirar a pessoa, o carater dela, deixando o artista de lado. Claro, que o fã de verdade, nem sempre vai concordar com certas atitudes, mas vai admira-la se tal pessoa fizer por merecer por isso. Isso nos faz bem, isso nos faz sermos melhores, por eles !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s